domingo, 26 de agosto de 2012

Amor de verdade


Eu não sei do que as pessoas tem tanto medo, pra quem é sincero, pra quem quer realmente ser feliz até casamento arranjado dá certo. Se você conheceu a pessoa na internet, no ônibus, na praia, na igreja, não importa, esse foi só o modo daquilo que é seu chegar até você, seja seu grande amor, sua amizade verdadeira ou simplesmente alguém que apartir daquele instante vai fazer parte da sua vida, o que temer? quem vive imaginando golpes e conspirações não vive, ta certo que não devemos entregar o coração de bandeja e acreditar cegamente em todo mundo, principalmente quando as evidências estão na frente do nosso nariz, mas daí a sair procurando chifre em cabeça de cavalo é uma grande diferença, viver é bom, se apaixonar é maravilhoso, se entregar a uma relação é garantir pelo menos a sensação de ter tentado, ter experimentado, e acredite a frustração de não saber se teria dado certo ou não é muito maior, dói muito mais, que um coração partido, um pé na bunda. Não guarde o seu coração em uma redoma de vidro, acredite ele é forte o suficiente, aventure se liberte se, não deixe de viver , não seja escrava do medo, da insegurança.
Seja intenso, seja verdadeiro, se jogue, e se a pessoa que esta com você não retribuir, com certeza  vai surgira alguem que fará por você tudo isso e muito mais, porque tudo que plantamos colhemos, todo o amor, o carinho, o respeito que você depositar em alguém vai voltar pra você, eu acredito nisso, eu vivo isso, Principe encantado existe sim, só que nos contos de fada a história não tem tempo de dizer que eles também tem mau humor, que eles fazem bobagem as vezes, que eles não são perfeitos, mas por acaso nós somos? hehe nãooooo e ainda assim somos maravilhosas, encantadoras e dignas de sermos amadas exatamente como somos.

sábado, 25 de agosto de 2012

Dois amores....

Nossa sociedade não aceita que nos relacionemos com mais de uma pessoa ao mesmo tempo, é feio, é imoral, nossa, totalmente fora de cogitação, então porque nosso coração as vezes nos prega peças? O que fazer quando amamos duas pessoas? é traição é verdadeiramente imoral? de quem é a culpa? pessoas não são iguais, somos compostos de desejos anseios e por sermos tão complexos, particularmente acho impossível uma só pessoa suprir todas as nossas necessidades como ser humano, sei que isso soa meio abominável aos olhos de Deus, que mulher descente desejaria dois homens? mas na prática isso é mais complicado, não é simplesmente um desejo carnal, é um desejo de alma. Eu me sinto duas mulheres, eu sempre tive claro pra mim que tenho duas personalidades, existe uma menina inocente e chorona que precisa de colo e proteção e existe uma mulher determinada e super protetora, a menina precisa daquele menino que a contenha, a guie, ampare, coordene,. A mulher precisa daquele homem ardente e forte que a ame com loucura, que a mime como mulher, que a faça se enxergar , se valorizar, se sentir desejada.
quando eu choro só meu menino sabe me dar colo, quando perco o juízo é ele que me trás a realidade, mas quando minha cama esquenta preciso do homem forte que faz meu mundo girar, que me faz lembrar que sou mulher, uma filha de Afrodite, uma fêmea extremamente capaz de satisfazer um macho, e olha que nem estou falando de sexo, mas de tudo que os homens procuram em uma mulher forte como a metade de mim é.
Escolher entre um dos dois é simplesmente ter que escolher qual das minhas metades terá que deixar de existir, mas se eu fizer isso serei metade, serei incompleta, e a metade que restar será capaz de amar por inteiro ?
julguem, falem aos quatro ventos, mas atire a primeira pedra quem nunca se sentiu assim.

OBS: texto retirado do livro "me engana que eu gosto" qualquer semelhança com a realidade é mera coincidência. :P hehe.